Manuela Araújo: Óbviamente nada é por acaso. Mas se...

Óbviamente nada é por acaso.
Mas se não é , o que é então?
Bom, se for bom, ''não se questione''.
E se for ruim, deixe como está !
Apenas aceite, pois o fim sera sempre feliz!

Inserida por Manuelah