Gabriela: Hoje criança pra mulher esperança Se...

Hoje criança pra mulher esperança

Se me encontrava com lirio despido em arbustos cm cravos
que me furavam a cada sentimento que me mexiam
Me perguntava se a vida me fugia da mente
como enhtender se me cortava ao amar vc
me mexiam os olhos
que mas azus nao haveria
que pela vida que asua
se entregava a mim
mas pra que tamta dor porque nao poderi aeu me transforma em for e sai esbannjando aroma de pureza
mas nao me deixo abater nao sou como vc
sei como tiver de ser

Inserida por GRAZIELUCAS