Gill b.: Está desempregado Sofre o destempero...

Está desempregado
Sofre o destempero
Dos que pranteiam calados
Sem exageros.

Há dias não come
Palavras não menciona
Nesse momento está sentado
Num canto da cozinha.

O piso é de cimento puro
Logo ele nota o fogão:
Sujo, envelhecido e mudo.

Inserida por Poemasgill