Celso Batista: DECISÃO É lamentável! Preciso matar...

DECISÃO

É lamentável!
Preciso matar esse amor.
É cruel!
Mas preciso acabar com esse sentimento
Que tomou conta de mim
Que me possui sem reservas
Que faz de mim uma sombra sem vontade própria
Nos teus passos...
Fazer uma tolice qualquer para estar em seus braços!?...
Já não sou mais eu!
Preciso ser forte e acabar com ele.
Não...
Não me culpem senhores,
Nem receiem pela minha sorte.
A morte seria um prêmio e não um castigo,
E levaria comigo a certeza de que fui feliz...
Apesar de tudo.
Matarei!
A decisão é tomada
É carta jogada
A última rodada
A consequência
Não sei.
A roleta parou
Foi legítima defesa.
Senhores do juri, sou inocente!

Inserida por l2pguimaraes