Miguel westerberg: O invisível é a última das fronteiras...

O invisível é a última das fronteiras que o ser humano terá que atravessar. Não podemos viver num mundo materialista e ficarmos indiferente ou ignorarmos os nossos sentimentos.

Inserida por israelwest