Tássio: Há algum tempo, o tempo não passa....

Há algum tempo, o tempo não passa.
Meus dias têm sido cheios do nada
E nada do que eu faço me livra dessa saudade
Minha fiel companheira
Que me remete até você a todo tempo
O tormento que a tua falta traz me assola
Tento não dar bola para as lágrimas
Lástimas de alguém que muito te ama
Que vive hoje o drama de estar longe do teu cheiro
A distância só faz instigar
O anseio de ter teu corpo junto ao meu
Te abraçar e beijar teu sorriso
Vivo, mas tudo parece cinza e sem cor
E a dor só vai embora
Na hora em que passamos juntos
Ah, mas como essa hora tem demorado a chegar
Faz cessar a saudade, princesa
Corre pros meus braços
E me passa a certeza
De que para sempre vou poder te amar

Inserida por Tassio