Erlis henrique: Aos poucos fui percebendo que nem todo...

Aos poucos fui percebendo que nem todo abraço é de afeto .
Aos poucos fui percebendo que nem todo choro é de tristeza e de que nem todo sorriso é de alegria.
Rapidamente eu aprendi o errado e aos poucos alguém foi me ensinando o certo.
Aos poucos fui caminhando em direçao à escuridão,e não sabia onde estava.
Aos poucos fui cavando meu próprio túmulo e sepultando minha opinião.
Aos poucos fui perdendo um pouco de mim através de você ,sem saber se era real.
Aos poucos fui percebendo que a pessoa de quem eu não gostava é a que queria meu bem.
Aos poucos fui percebendo que, a pessoa que estava distante é a que deveria estar perto.
Aos poucos fui percebendo que é possivel tirar forcas de um livro.(a biblia)
Aos poucos fui percebendo que meu verdadeiro amigo mora dentro de mim.
Aos poucos fui percebendo que a minha segunda casa não era tão boa quanto a primeira, como eu pensava.
Aos poucos minha casinha de chocolate foi derretendo e não pude fazer nada.
Nos diziam que não eramos mais crianças , mas nos tratava como crianças.
pequenas de mais para terem alguma importancia, mimadas demais para fazerem alguma coisa.
Aos poucos fui percebendo que eu não estava à altura de certas pessoa,mas aos poucos fui percebendo também que eu não precisava me rebaixar tanto, para chegar à alutura delas.
Aos poucos fui percebendo que:
As pequenas coisas... ficam.
As pequenas palavras... marcam.
As grandes amizades... nunca morrem.

Inserida por Erlis