Eduardo de Paula Barreto: BANHO SAGRADO Está com vontade de...

BANHO SAGRADO



Está com vontade de chorar?

Então não fique se reprimindo,

Deixe a lágrima rolar

Até conseguir verificar

Que os seus lábios estão se abrindo.



Ninguém reprime o sorriso

Que é bem-vindo em qualquer lugar,

Que o choro também seja bem-vindo

Porque todo aquele que agora está sorrindo

Em algum momento teve que chorar.



Os momentos de prazer não são permanentes

Assim como as horas trágicas,

Há momentos para se estar contente

E outros para tão-somente

Lavar o rosto com as suas lágrimas.



E por ter a água a função de limpar

Trazendo dignidade ao que é lavado,

Tenha no choro uma oportunidade de se dignificar

E toda vez que em meio às lágrimas se encontrar

Considere que está tomando um banho sagrado.



Eduardo de Paula Barreto
www.opoetizador.com


.

Inserida por opoetizador