Beatriz: MEDOS Não leve minhas ilusões Deixe o...

MEDOS

Não leve minhas ilusões
Deixe o teu olhar
Permaneça em mim
Teu sorriso para iluminar

Minha alma está vazia
Brumas em mim tão frias
Tire-me do exílio
Da saudade e melâncolia

Adentro floresta negra
De tantas dores
Árvores solitárias
E agora, sem tua poesia

Resta ante mim
Universo temeroso
Insuportavelmente imenso
Aguardando, sempre aguardando

Nossos tão poucos momentos.


Beatriz Prestes

Inserida por zacum