Philippe cavalcanti (phi): Saudade... Eu não queria senti-la,mas...

Saudade...

Eu não queria senti-la,mas é mas forte que eu,todas essas lembranças me escravizam,me tiram a paz,sinto saudades de você,saudades dos nossos abraços,dos nossos carinhos,enfim,de tudo de bom que vivemos juntos e que a vida cruelmente roubou de mim.
Hoje,junto com a saudade,uma solidão terrivel impera ao meu redor,tudo é vazio,tudo e triste;só a saudade de você que insiste em machucar.

Quero reviver com você todos os momentos,sentir o seu beijo,o seu corpo;eu tentei te esquecer,mas não consegui,perdi as redias do meu coração,eu sei que preciso soperar tudo isso,mas se tornou muito dificil,sintosaudades,muitassaudades,não sei se lhe verei novamente algum dia,mas gostaria que essas palavras chegassem au seu coração e você entendesse que minha vida perdeu a cor e deu lugar a uma imensa dor...

Não sei quais foram os motivos que nos separaram,até hoje isso me inconforma,talvez seja por isso que essa saudade dói tanto,a triste certeza de que não verei seu rosto,sentirei seu corpo,queria podergritar,explodir essa angústia,mas ela se resume em um choro,onde ódio e tristeza se misturam.
Queria lhe procurar,mas não posso,queria que houvesse uma maneira de erradicar esse maldito sentimento da minha vida,queria lhe ver,olhar seus olhos,mas esse desejo é o mesmo que tentar agarrar o sol...
Tanto amor não foi suficiente para evitar esse desfecho,hoje sou sufocado pela saudade,e forçado a viver contra minha vontade.....

Inserida por philippe