Rebeca Funke: primeiro, orgulho: ignora, esnoba e...

primeiro, orgulho:
ignora, esnoba e finge
"você pra mim? não era nada..."

depois, surpresa:
implora, chora e desaba
"agora é tarde".

...o errado acontece
para amaciar o caminho do certo.

Pode me fingir de morta
por que me sinto mais viva que nunca.

Pode me fingir inexistente
pois me sinto mais real do que nunca.

Como o mais velho
é o mais novo,
e o mais novo
é o mais velho?...

Maturidade não é sinal de idade
é sinal de compreenção dos fatos
e de apreensão dos erros.

"Cresça e apareça", eles dizem
pois eu digo:
"Amadureça e cresça".

E sem mim,
claro.

Inserida por rebeca.funke