HANNA ALBUQUERQUE: .... Como é difícil tomarmos decisões...

....
Como é difícil tomarmos decisões ou assumirmos posicionamentos em nossas vidas! Qualquer fato que nos tire do caminho que percorremos, ou que possa ter que percorrer, já nos causa tremenda angústia; entramos em conflito e em alguns casos preferimos ignorar o assunto e continuar andando, sem prestar muita atenção ao que nos incomoda, simplesmente convivemos com o fato, sem questionar...
Se retrocedermos na história, veremos que fomos condicionados a conviver com idéias e fatos que nos foram impostos na vida, já mastigados, e isso... não pode ser levado por muito tempo...
Assim, simplesmente aceitamos todas as interpretações, todas as imposições, toda a anulação, sofrimento, como seres castrados do pensamento, da razão e do bom senso... Mas como usar do bom senso quando é o coração que manda na gente... E não a gente no coração! Assim somos muito mais passíveis ao erro, e quem nunca errou?
O que acontece quando temos que andar com as próprias pernas, quando temos que enfrentar nossos próprios problemas, raciocinar, questionar, ir em busca de nossas próprias verdades? Conflitos e erros, com toda certeza!!! E são esses conflitos e erros que nos levam a pecar em nossas ações... Ações essas muitas vezes ocorridas no calor da situação.
Não é fácil deixar o comodismo de lado, não é fácil levantarmos contra nossas próprias imposições, não é fácil sairmos em busca de respostas próprias, é muito difícil exercitarmos uma capacidade inerente a todo ser humano: a mente, o raciocínio a razão... Razão!!! Essa muitas vezes nos foge quando mais precisamos!!!
Mas se dispusermos a encontrar a força e a coragem necessárias para um novo renascer dentro de nos mesmo, iremos nos surpreender e descobrir, num mundo novo, uma pessoa capaz de enfrentar, sem medo, um mundo onde teremos todos a liberdade de tirar nossas próprias conclusões, de encontrar nossas próprias verdades, trilhar nossos próprios caminhos; não impulsionados pelo medo, pela insegurança, mas sim tendo dentro de nós a certeza de que somos seres dignos de viver dentro de nossa própria capacidade, rompendo limites e indo ao encontro do amor e da paz que tanto ansiamos...
Mas isso só será possível quando juntos passarmos a buscar um futuro... Futuro esse que pode muito bem ser desejado e conquistado por dois corações!!!
Estamos aprendendo a caminhar, é normal e compreensível que tropecemos sobre nossos passos. O que importa é prosseguir, não desanimando nunca e burilando sempre, não importa quantas vezes tenhamos que cair e levantar!!!
E se estivermos sempre um próximo ao outro esse tombo, às vezes, poderá ser mais suave e o levantar mais glorioso!!!. Claro que não é glória que devemos procurar, mas sim o seu sentido do mais puro amor ...

Inserida por MILENI