Nanná: Agora o tempo já passou, a tempestade...

Agora o tempo já passou, a tempestade enfim acabou, a rua já secou, fez sol lá fora. Aquela insônia já curei, do mal humor já melhorei, e a té me acostumei com a sua falta [...] Não tem remédio mesmo, eu quis você pra ficar, eu quis sumir, te esquecer, quis morrer, quis te ligar. Eu não queria, mas já levo a vida sem você! Hoje foi bom te encontrar, o tempo passou como está? Dificil foi, mas tudo bem, eu tambem tô sem ninguém! E só me restou o ciúme, não sei se por medo ou costume. Seja feliz, fica com Deus. Se der saudade me liga... Adeus !

Inserida por pequenuxa