Denis: Eu ando meio sem jeito. De seguir a...

Eu ando meio sem jeito.
De seguir a minha vida.
Sou um carro com defeito.
Sou flores na despedida.
Eu ando assim, doente.
Desde que fiquei sem ela.
Sou um menino carente
Sou parede sem janela.
Ela é tudo que tenho.
Se for parar pra pensar.
Não resta nada na vida.
Pois só ela eu quero amar.
Se ela voltar um dia.
Vou dizer-te novamente.
Que ela é o meu guia.
A minha estrela cadente.
Ela é a luz que me ilumina
A fonte do meu viver.
Sem ela a minha sina.
É para sempre sofrer.

Inserida por sou-denis