Waldin de Lima: (...)Donzela meiga que, deixando o...

(...)Donzela meiga que, deixando o Lácio,
abandona os umbrais do seu palácio,
para ser de um povo o glorioso idioma!...

Inserida por veralaporta