Raimón Panikkar: (…) cada língua é um mundo (…)...

(…) cada língua é um mundo (…) cada cultura é uma galáxia
com seus próprios critérios de bondade, beleza e verdade.

Inserida por veralaporta