Des: Perdoa Amor... Perdoa amor... Por te...

Perdoa Amor...

Perdoa amor...
Por te amar demais,
Perdoa...

Perdoa por eu querer-te
De todas as formas
Possíveis e imagináveis,
Sem negar por um instante,
Que te amo de verdade!
Que te amo
Como a terra ama a chuva,
Que faz fecundar as
Sementes nela jogadas.
Como os namorados
Amam a lua...
Como o poeta ama
Todas as coisas belas,
Para nelas poder descrever
A magnitude do amor...

Perdoa amor...
Por jamais abrir mão
Deste teu amor...
Às vezes louco, obsessivo,
Um amor bandido...
Um amor que mesmo
Não sendo correspondido,
Faço questão de cultivá-lo,
Com a esperança de que
Um dia sendo reconhecido,
Possa tê-lo ao meu lado
Para sempre...

Perdoa amor...
Perdoa!

Inserida por EDUPAZ