M.Kurita: DE REPENTE De repente estava perdida num...

DE REPENTE

De repente estava perdida num lugar qualquer,
De repente foi como se o Sol se apagasse de minha vida,
Me senti envolta por um manto de névoa,
De repente os pássaros pararam de cantarolar aquela melodia de amor,
De repente senti como se roubassem o cheiro de maresia do mar,
Como se desligassem o som das ondas do mar batendo contra o penhasco,
De repente me senti presa no espaço, onde houvesse somente uma luz a me iluminar e o restante do espaço coberto pelo breu,
As flores murcharam, as pétalas caíram...
De repente foi como se o arco-irís ficasse cinzento, e as cores da cidade ficassem desbotadas...
De repente me vejo com o olhar perdido num único casal de namorados enamorados, trocando beijos e olhares cheio de promessas...
De repente nessa paisagem meus olhos se fecham e só enxergar você diante de mim tão nitidamente, que bastaria estender a mão para poder toca-lo...
De repente apesar das luzes e da alegria das pessoas, você se fecha e nada te agrada.
Mas, de repente como se nada tivesse acontecido, como se você simplesmente estivesse adormecido no tempo, você surge com seu lindo sorriso e tudo volta a
ganhar cor,
Sinto seu cheiro,
Seu gosto,
Sinto o calor dos seus olhos me aquecendo,
Sinto meu sangue começar a bombear meu coração mais rápido...
De repente tudo volta a brilhar e toda a incerteza, tristeza vai embora...
Porque de repente eu descubro que todo meu medo era infundado...
E que de repente eu descobri que o Sol voltou a brilhar porque eu te amo, amo muito.
De repente descubro que quero compartilhar com você uma parte da minha vida, partilhar com você todos meus doces momentos, meus desejos, meus anseios, minhas fantasias...
De repente descubro que você é a razão da minha alegria, do cantarolar dos pássaros, do doce embalo das ondas, da harmonia entre mim e o universo, razão pela qual a flores ficam tão mais perfumadas,
De repente descubro que o amor que você me faz sentir, é a razão pela qual meu jardim ficou repleto de flores do campo...
E que meu coração transborda de felicidade,
Descobri de repente também que o amor não é uma coisa que se consiga porque se quer , ele não pode ser exigido, não pode ser imposto, não pode comprado.
O amor entre duas pessoas de repente pode nascer de um simples sorriso ou de um olhar diferente, num momento especial...
O amor pode de repente ser tudo isso que está descrito aqui, ou pode ser diferente pra você, mas com certeza amar e ser amado não tem hora e nem lugar...
De repente o sol pode vir a brilhar em sua vida no momento mais inadequado, no local menos apropriado, mas quando acontecer, você vai se sentir flutuando nas nuvens...

Inserida por Mirinha