Joel Gonçalves: Lágrimas insípidas, Derramadas pelo...

Lágrimas insípidas,
Derramadas pelo meu olhar,
Dominam a minha alma.
No percurso da noite,
Tamanha tristeza sinto...
Impedindo-me de sorrir.
Neste momento de descontentamento.
Sinto apertos constantes, no meu coração,
Apertos que me cortam a respiração.
Abrindo alas a lágrimas de pranto.
Intensificando este sentimento,
Que percorre meu pensamento,
Deixando uma angústia desmedida...
Que tristeza mortificante.
Impera a minha alma.
Tristeza intrépida,
Que desfigura o meu humor.

Inserida por JoelG