Cristiano de freitas souza (cristianofzenhotmail.com): A saudade com certeza machuca, na...

A saudade com certeza machuca, na verdade faz doer, ela não vem do nada, vem de você...
Dizem que ela não tem nome, mas encontrei alguns que definem bem, este sentimento, que neste momento eu chamo de tormento...
Uma delas foi vontade. Sim, vontade de tê-la ao meu lado,
O outro foi à razão, que insistiu em dizer sobre distância, mas com esta polêmica fiquei com a esperança...
O medo apareceu, perguntei a ele do que se tratava, ele lembrou da saudade, mas o medo, cá entre nós, não pertence aos que amam...
Veio à desilusão, não teve segredo, e muito menos medo, pra esta tal desilusão encontrei a paixão, não tão longe, perto de meu coração...
Dentre todos o que me chamou atenção foi o AMOR. Ele veio tímido, não me falou a que veio, nem como me conheceu, me fortaleceu. Disse a ele: “Amor, eu procuro por uma dama, uma linda mulher”. Doe demais o silêncio, à distância, as incertezas.
Ele olhou nos meus olhos e disse: As borboletas virão, as rosas se abrirão, a lua vai refletir sua luz, o sol vai brilhar, a chuva vai cair, e outra vez o sol surgir.
Eu preocupado comecei a refletir, e com certeza entendi, que o medo e o amor, são sentimentos distintos, onde os mitos se confundem com a realidade.
Mas na verdade eu realmente compreendi que o AMOR, supera a distância, a ausência, as incertezas; ele está além do infinito com sua grandeza, é uma surpresa agradável, que só desfrutam aqueles que o buscam e o recebem de braços abertos.
Eu sou o amor, eu sou a verdade, puro e sem vaidade, que quebra as barreiras, que dá força e coragem, que é uma fortaleza de emoções puras e belas, não aquelas, mas estas que estamos vivendo.
NÃO SE ESQUEÇA, O AMOR, É MEU, ELE É SEU, ELE É NOSSO....

Inserida por cristianofzen