Descnhecido: Um amor tão louco... tão doce, havia...

Um amor tão louco... tão doce,
havia tanto riso, tantos beijos
Nos perdíamos em tantos carinhos,
nossas mãos sabiam tantos caminhos.

Sem medo, sem pudor, éramos um só.
Com música, champanhe, chocolate,
nos amamos em todos os lugares,
de todas as maneiras.

Quantas vezes a cama ficava
pequena para tanta paixão ...
e para quê a cama?
sem perceber a gente se amava no chão.

Dançamos nús, choramos juntos,
rimos de nossas lágrimas,
misturamos nosso suor,
gozamos juntos olhos nos olhos.

Queríamos as mesmas coisas,
os mesmos lugares,
dividíamos a última bala
como se fôssemos uma única boca,
único corpo, único ser.

Acabou...
E tudo o que você me diz...
é que "faz parte"...

Inserida por marisafmarisa