Eduardo Pragana: NÓS ENQUANTO MATÉRIA, NÃO PASSAMOS DE...

NÓS ENQUANTO MATÉRIA, NÃO PASSAMOS DE FRÁGEIS SEMENTES, QUE DESENVOLVEM-SE NOS ESTRUMES DOS NOSSOS ANTEPASSADOS, POIS NASCEMOS, CRESCEMOS, BROTAMOS E MORREMOS.
ASSIM NOS TRANSFORMAMOS EM ESTRUMES PARA NOSSAS FUTURAS SEMENTES.

Inserida por Pragana