Arturo Angelin: O RÉU Sim, eu sou o culpado... Cometi...

O RÉU

Sim, eu sou o culpado...
Cometi muitos crimes em teu nome
O mais grave foi amar você
E hoje a punição é não ter-te mais

Suplico pelo perdão...
Mas o juiz é um carrasco
Não posso nem mesmo tocá-la

Sentir ainda posso...
Essa será minha prisão

Sentir... apenas sentir...
...O mesmo amor por qual fui julgado
...O mesmo por qual fui condenado
Para quem sabe um dia
Poder ser absolvido

Inserida por arturoangelin