Paula Câmara Ferreira: Não eu não entendo nada do que estava...

Não eu não entendo nada do que estava acontecendo...
O que você esta querendo?
É tudo muito complexo pra mim, eu ainda sou aquela guria que ninguém nunca quis...
Sempre será assim...
Não me incomodo com o meu estado...
Me incomoda você não sair dos meus pensamentos, mesmo eu sabendo que nada vai acontecer
Me incomoda eu me iludir...
Me incomoda essa vontade de te ver
De estar contigo
Mas eu não quero ninguém pra chamar de meu mundo
Pois eu sou meu próprio mundo
Poderei viver assim em paz
Sem ele sem você
Pro amor hoje eu dou o nunca mais como escolha
E o adeus como consolo!

Inserida por Paxazinha