Paula Câmara Ferreira: Tenho medo de ouvir as tuas ultimas...

Tenho medo de ouvir as tuas ultimas
Palavras sobre esse tal assunto
Por que no fundo sempre
Queremos as mesmas coisas
Mesmos ideais com jeito
Diferente de pensar
Cada uma sempre tão independente
E no fim tão dependente um do outro
Era então uma noite fria
Sem estrelas no céu
Era eu era você
Mesmas idéias
Mas hoje sem nada pra conversar
Não saberei o que te responder
Quando você me perguntar
Seja o que for não saberei responder
Por que naquela noite fria eu precisei de você
E você não estava
Nem ao vivo muito menos em pensamento
Você não se fez presente
Era sim o que falávamos que jamais chegaria
É sim o que chamávamos de impossível
É assim o fim?!

Inserida por Paxazinha