Paula Câmara Ferreira: Não deixe a raiva tomar por completo...

Não deixe a raiva tomar por completo você
Sonhos são visões do que realmente queremos...
Você estava do meu sonho
O passado voltava a me atormentar
Trazendo a tona medos infantis
Medos concretos
Eu e você
“coração de inseto”
Eu sempre fui eu
Sendo assim nunca te enganei
Não é agora que enganarei a mim mesma
Distância, saudades, cobranças, insegurança...
Sentimentos mistos, eu poderia te falar que esta tudo normal
“Tudo bem meu bem, é so mais uma crise afinal”
Sabemos que não é assim, sabemos que a cada briga a cada crise
Morre um pouco de nós
Agora eu preciso descansar e sobre tudo ouvir esse velho coração
Esse coração de inseto!

Inserida por Paxazinha