GILSON ALVES: TÁ NA BOCA DO POVO É surpreendente...

TÁ NA BOCA DO POVO

É surpreendente como em todos os lugares o chamado “Olho Biônico” surge para registrar os fatos, sempre com o faro preciso para não deixar nada as escuras. Deve ser esse vigilante quem inspirou o criador da expressão “Não existe crime perfeito”. E deve ser por causa dele, que muitos são mortos, presos e até mesmo salvos. Esse olho biônico vigilante existe em cada rua da cidade, sempre a bisbilhotar, delatar, o que não poderia ser visto ou dito. Você deve ter pensado em um monte de gente assim...! Inclusive naquela sua vizinha gorda que fica sentada na porta de casa pronta para meter o bedelho na vida dos outros. Pensou bem! São pessoas dessa mesma estirpe que conta segredo de alguém que um outro lhe contou, e por aí vai... O que eu acho engraçado, e fico me perguntando, é aonde gente fofoqueira arruma tanto tempo assim para fazer uma devassa na vida dos outros? Deve ser porque não toma conta da sua! O pior disso tudo, é que o “mexeriqueiro” sabe mais de sua vida do que você. Ele observa cada detalhe, suas coisas, seus trejeitos, sua maneira, enfim... Você e suas peculiaridades.
Acredito que nem o mais astuto dos repórteres seria capaz de alcançar a excelência de um verdadeiro fofoqueiro e sua arte. É horrível quando o grande fofoqueiro é o seu melhor amigo... vixeeeeeeee... Nem me fale! Pois você conta um fato que lhe aconteceu, e pede segredo, ele entende, fale para o Pedro! Aí já viu, todo mundo fica sabendo e cochichando uns para os outros.
Temos que tomar cuidado com os que gostam da vida alheia. Uma vez, inventei de contar a respeito de um projeto que iria fazer, em todos os seus detalhes, Tim-Tim por Tim-Tim, para uma pessoa que achava que era amiga, ai de mim! Ela abriu o bocão, e quase eu acabei numa prisão!
Que possamos ter o controle devido da língua, para que nosso nome não seja arrastado por entre boatos e fofocas. Porque o estrago de uma fofoca deixa marcas irreparáveis: causa separação, briga e ódio, indignação e dor.
Quando descobrimos o fofoqueiro e queremos tomar satisfação, a fofoca fica pior, ele como é “macaco velho,” tem seus trunfos nas mangas, e para se safar coloca mais um no caminho da balbúrdia e discórdia.
Muitos acreditam que se tolerarmos os boatos maldosos, poderemos deixar de ser alvo das fofocas! Porque elas são como fumaça, logo se dissipa e fica tudo limpo outra vez.
Na verdade, nunca iremos nos livrar das fofocas e boatos de algumas pessoas, e para vivermos bem, sem nos preocupar com elas, devemos sempre agir fazendo as coisas que para nós sejam certas, para termos tranqüilidade na vida... Depois disso, falem o que falar!

Inserida por KALMALONY