Cristiane Ornelas: Baú de recordações A vida em uma...

Baú de recordações

A vida em uma fração de segundos nos passa em frente aos olhos...
As pessoas que amamos nos vêm à mente, até mesmo aquelas que não amamos tanto assim...
A respiração fica ofegante e parecemos perder a pulsação...
O que fizemos da vida?
Amamos tanto quanto deveríamos amar?
Sorriamos o tanto para dizer que valeu a pena?
Choramos o suficiente para lavar a alma?
São muitas as perguntas que talvez fiquem sem respostas...
Mas se ainda houver tempo?
Mesmo que pouco tempo o que se pode fazer?
Eu lhes digo...
Vivam...
Cada fração de segundo como se fosse seu ultimo.
Ame muito, o mais intensamente que conseguir...
Sorria muito, mas um sorriso aberto que venha do fundo da alma...
Chore... Por suas alegrias, conquistas e também por suas tristezas e derrotas...
Feito isso, guarde tudo no seu baú das recordações e mesmo naqueles momentos em que tudo parecer perdido, abra seu baú.
Veja tudo o que lá esta.
A vida não pode ser medida pelo tempo que vivemos, mas pelos momentos que estivemos presentes nela.
Nas coisas que de fato são importantes.
O quanto amamos e o quanto fomos amados.
Os amigos que nos acompanham nesta jornada.
Os risos que farão as pessoas sorrir só de se lembrar.
A àrvore que foi plantada e que todos os anos dá frutos.
Das flores espalhadas pelo jardim que fazem da vida uma linda primavera.
E quando alguém lhe perguntar o que é felicidade pra você?
Poderá abrir o seu baú e dizer...
Felicidade para mim e estar satisfeito com o que fiz da minha vida.
E não sentirá mais medo, pois em uma fração reviver tudo novamente, mesmo que apenas na lembrança.

Inserida por CrisOrnelas