J.k: Insônia De uma forma cruel Não sei com...

Insônia

De uma forma cruel
Não sei com explicar
Uma mentira surgiu
Pra uma história acabar.

Nela eu era o culpado
Sem ao menos saber
O desenrolar dela,
Que a minha amada fazia sofrer.

Era sobre traição,
O q prometi nunca fazer
Mais como era convincente
Não tive o q fazer.

Expliquei-me de varias formas
Para minha inocência ali provar
Mais minha amada periferia
Na história acreditar.

Hoje estou aqui sozinho
Sem saber o que fazer.
Não esqueço minha amada
Que deseja não mais me ver.

Só queria poder vê-la
E uma coisa deixar clara:
Que pra ela nunca menti
E que não vou deixar de amá-la.

Inserida por karlinha.p