David Saleeby: A ditosa inspiração é análoga a cada...

A ditosa inspiração é análoga a cada ocasião, seja ela triste ou feliz, formal ou casual, conveniente ou inadequada. Usufruir-se dela, portanto, abarca o que se é, o que se vive. Antes deve-se fazê-lo para quem é, para quem vive (sempiternamente).

Inserida por dsaleeby