Emanuel Wertheimer: Regozijamo-nos com a repentina fortuna...

Regozijamo-nos com a repentina fortuna dos outros, como se nos tivesse sido roubada alguma coisa.

Inserida por agf