Bárbara Karine: È dizer apenas "oi" Quando a...

È dizer apenas "oi" Quando a verdade é dizer "que te amo"
E sentar sozinho na mutidão. È dizer que te esqueci quando na verdade estás a cada dia dentro de mim é ter somente que te olhar, quando na verdade quero te abraçar. Talvez! o amanhã possa nos deixar mais distantes, porém foi ótimo te conhecer. Se me encontrares pelas ruas não precisa mudar de calçada pense que somos estranhos e que entre nós nunca hove nada. Não precisa baixar a cabeça para não me ver com teus olhos baixos. passarei por ti sem lembrar que entre nós houve um adeus , nossos sonhos são tão diferentes que o remédio é deixar que esse amor morra, mesmo que para isso tenha que chorar. Entre nós não há culpa, nem mágoa, o distino assim escreveu. Podemos achar em outros braços este amor que entre nós não "Sobreviveu".

Inserida por bkmonteiro