Desconhecido: Tem dia que acordo indisposta sem querer...

Tem dia que acordo indisposta
sem querer me levantar.
Olho ao meu redor e penso:
tenho muita coisa para fazer,
não posso parar de viver.
Sem você, sua ausência
me faz sentir fraca,
não posso desistir de viver.
Levanto da cama e entro no banho.
A água me faz relaxar,
viajo pensando
no cotidiano passado.
Logo penso no café.
O relógio me faz acelerar
o ritmo é lento e preguiçoso.
Corro para o trabalho.
Não tenho você para me desejar um bom dia!
O dia passa... sem graça.
Depois corro para a escola.
Lá tento me distrair com os livros
E com os amigos.
As horas passam e você
nem me liga.
Gostaria de saber como foi
o seu dia, te dizer como
está sendo o meu.
No caminho de volta para casa,
tudo me faz lembrar de você.
As lágrimas querem cair
dos meus olhos.
Mas o cotidiano me chama
para a realidade:
Você se foi e não me quer mais.
Algo me desperta para o mundo
e um impulso me faz olhar para o relógio,
lembrar que a vida segue.
É maravilhoso saber que a vida pulsa,
mesmo que cadenciada pelo amanhã.
O que fazer se o cotidiano tirou você da minha vida.

Inserida por thayslane