Raphael Santos Araujo: Pequeno menino! Uma pessoa que sempre...

Pequeno menino!

Uma pessoa que sempre achou que iria amar uma pessoa para sempre, que acreditou que a primeira que tomasse meu coração seria dona do meu ser... E foi, e já passou. Agora é diferente aprendi com á vida como as coisas são, ainda espero a pessoa que irei amar eternamente, por entre os tempos e a infinidade dos dias...
Talvez seja eu um ser sozinho, que ama sem ter como expressar, que dessa vez sabe que não vai ser correspondido, talvez seja ela, talvez eu não saiba...
Talvez seja ela, que com sua voz vai encobrir o choro de desespero que não sai da minha mente e que me atormentam todas as noites e dias...
Talvez ela me peça o abraço e o beijo que eu neguei um dia e em troca disso carrego comigo o desespero de alguém que só precisava de mim pra ser feliz...
Talvez em seus braços eu me sinta seguro, talvez sua voz me mantenha sereno, talvez você me faça feliz...
Ou talvez eu deite todos os dias e continue com medo de dormir e de permanecer acordado...
Tudo por que você visita meus sonhos e que quando acordo deixam de ser reais...
E quando não durmo permaneço assombrado pelo passado que teima em não sair do meu presente e não quer me deixar viver um futuro....

Inserida por raphael.rsa