Paulo Master: O amor é um sentimento um tanto...

O amor é um sentimento um tanto adrupto, nos força á tomar decisões em que na mais pura sanidade jamais viria-mos tomar, dessa forma se torna ele dono de nós.
Como uma força envolvente, do tipo se tem noção, sem ter do que pode vir depois, é como se esperássemos o mais improvável das ações e, ainda assim, nos surpreendessem.

Inserida por Paulo-Santana