Paulo Master: Ainda te amo, e mesmo com mil anos seria...

Ainda te amo, e mesmo com mil anos seria capaz de te amar, sem imaginar, sem ao menos deixar que esse amor viesse parar, pois de você somente tenho uma parte que sou eu, a outra, se perdeu.

Inserida por Paulo-Santana