Leticia: Incertezas O que dizer do amor que nunca...

Incertezas

O que dizer do amor que nunca tive?
Não sei nada sobre ele, mas sei que vive.
Pensar em que se não aconteceu?
Lembrar o que?
Se aqueles lábios não tocaram os lábios meus.
Se carícias não foram dadas, nem sussuros trocados.
Se conversars foram cortadas e sorrisos embaraçados.
O que fazer?
Se o mais ardente dos desejos, ficou na imaginaçãos.
Se o mais puro e belo encanto ficou no coração.
Apenas lembranças vagas,
vagavam meus pensamentos.
Apenas sua fisionomia ficou na minha cabeça.
Eu fui tão ingenua e infantil,
sonhando que você apareça?
Ou fui tão esperta e paciente,
esperando que o amor cresça?
Não sei.
Mas penso cada hora, cada instante,
cada minuto icessante!
Penso em teu rosto, teu sorriso e tua boca,
durmo e acordo com os pensamentos meus.
Mas falta pouco para esse amor ser vivido,
e em meus braços, ser todinho meu!

Inserida por leticiabiscioni