Paulo Master: Difícil Entender! Eu ás vezes fico á...

Difícil Entender!

Eu ás vezes fico á me perguntar, porque é complicado o sentimento humano.
Digo... tanto sentimental como nas amizade as pessoas á vezes complicam demais as coisas.
Sim, eu mesmo tenho me visto dessa forma, são coisas que lutamos contra, mas que sempre somos vencidos por elas.
Muitas das vezes somente um falar ou um expressar e o clima se desmancha como se jogassem um saco de gêlo nos ânimos e tudo muda de repente.
É verdade que para viver tal sentimento pela pessoa que nos envolve, tem que existir um pouco de amor, sendo de amizade ou desejo.
Como num toque de mágica fica tudo diferente por alguns instantes, e parecendo crianças somos levados por um sentimento infantil.
Infantilidade á parte, não se dever agir assim, mesmo sendo apanhados por alguma vontade infanto juvenil, tenho certeza que todos tivemos infância.
E criancisse é pra ser relevada ou banida pelo menos em algumas situações do nosso sentimento.
Por motivos bobos e até relevantes podemos ter uma enorme parcela da amizade abalada, pois isso que jamais deve acontecer.
Difícil entender como pode haver tantos desapegos sentimentais, pois estamos todos sedentos por um aconchego e um toque de uma mão amiga.
O ser humano ultimamente tem necessitado dos seus melhores dotes de solidariedade, mas parece que muitos tem negado isso á sí próprio e nem faz apelo ao seu eu.
Podemos assim definir como uma quebra da corrente do amor, seria essa corrente quebrada ou ela numca esteve completamente unida.
E nos enganamos todo esse tempo com o papo de " não deixe a corrente se romper"!
Se muitos tem se opondo em dar as mãos, o que seria de uma maioria que está a necessitar dessa mão?
E as crianças como vão estar dentro desse contesto, porque seria essa maioria tão egoísta de sí, á ponto de nem enxergar o que está á sua frente, á um palmo de seu nariz.
Entro nessa questão não porque estou sensibilizado com as pessoas, mas sim com a humanidade que precisa muito de algo que ela traz desde que nasceu e muitas vezes vem se negando em usar.
Tornando assim o futuro delas mesmas ainda mais indeciso e complicado, coisa que no pensar direito seria bem mais fácil de consertar.
Se no amor e na amizade as coisas tem conserto, na vida em geral podemos dar um jeitinho e fazer um esforço de consertar nossos erros e tentar agir diferente, para melhor.
Como pedir perdão á pessoa amada por um erro acometido e pedir desculpas á um amigo, é fácil também pois olhar para dentro de sí e ver como estamos errados em nossas atitudes em relação ao nosso próximo e com nós mesmos.
E aí vem o sentido de como nos perdoar em nossos erros se nem pensar neles estamos, quanto mais admiti-los.
Realmente é difícil, o tempo passa as coisas ficam e você tem sua vida roubada por sua falta de visão e não tem como ver isso.
Talvez porque esteja envolvido demais com seus problemas e não se importa em querer saber se eles não foram consequencia de seus próprios atos.
Ou imagina sua vã falta de sabedoria que subtamente existe algo fazendo a limpeza das coisas mal realizadas que você deixa como rastro.
Não pense você que as coisas da vida perdem seus efeitos no momento em que ficam para trás, nem saem de cena só porque você já as passou por cima.
Lembre-se que o amanhã é sempre um ótimo motivo para você consertar as besteiras de ontem e o seu novo dia é sempre sua nova esperança.
ou uma chance que te é dada e você como louco tem que pegar para seu próprio bem, na sua vida e consequentemente no seu futuro.
Creia nisso e seja muito Feliz.

Inserida por Paulo-Santana