Celia Piovesan: De repente ... Não mais que de...

De repente ...
Não mais que de repente...estamos juntos
Perco minha identidade...me sinto a vontade
E que se dane a população...

De repente...
Com um simples "abraço"
Você me leva ao espaço...
E estremece todo meu ser...

De repente...
Sinto sermos um só
Em pensamento e coração
E tudo é sentido com uma tremenda emoção...

De repente...
Não vejo ninguem em minha frente...
A felicidade é total e vivemos de uma forma...
Nunca vista igual...

De repente
É como uma explosão e entendo a questão
Você também age com o coração
Por isso temos essa "ligação"...

Mas como tudo que é de repente...
Tem seu começo, meio e final...
E é com uma tremenda tristeza
Que eu volto pra real

Meu peito dói...sofre e sente...
Mas fica uma certeza em minha mente,
De que juntos viveremos...
Outros " de repentes "...

Inserida por anjo_meu