Santo Agostinho: A medida do amor é não ter medida.

A medida do amor é não ter medida.

Nota: Pensamento atribuído a Santo Agostinho, citado por Severo, bispo de Milevi, em carta a Agostinho, Epistola 109, e por São Bernardo de Claraval, em De Diligendo Deo. A autoria do texto tem vindo a ser erroneamente atribuída a Victor Hugo.

Inserida por SilvanaClaudia