Quoist: Amor, alimento do faminto, água pura do...

Amor, alimento do faminto, água pura do sedento, sol do homem inexpressivo; conforto do desolado; indispensável seiva de quem vive.... Frase de Quoist.

Amor,
alimento do faminto,
água pura do sedento,
sol do homem inexpressivo;
conforto do desolado;
indispensável seiva de quem vive.

Inserida por SilvanaClaudia