Liscar: Essa noite não dormi, amor... Meu...

Essa noite não dormi, amor...
Meu coração não ficou calado,
perguntou-me a noite toda por você
Não suporta sua ausência,
não bate corretamente,
não sabe se morre de medo ou se vive.

Mas eu tenho plena certeza de tudo!
Sei que vai dar certo!
Não pode ser mentira essa verdade
tão feliz que trago por dentro!

E pouco importa se vai durar e durar
e durar...
Que viva eu, enquanto vida...
que morra eu enquanto morte...

E meu coração de tão aflito me tira
o próprio apetite,
Não sinto fome, não sinto sono...
Amei... quase nada importa!

Inserida por Liscar