Mariluci Carvalho de Souza: PARE O MUNDO QUE EU QUERO DESCER! Chega...

PARE O MUNDO QUE EU QUERO DESCER!



Chega de multidão...
Não quero mais confusão...
Eu quero ficar na minha...
Eu quero ficar sozinha...
Eu já tomei a minha decisão:
Vou entrar em depressão!
Vou me afastar de todos e de tudo,
Vou calar a minha boca e me comunicar com um grito mudo...
E não me venham com esta de remédios para me acelerar,
E médico algum vai me diagnosticar...
Muito menos me encher de antidepressivos e vitaminas para eu melhorar...
Eu não quero ficar ligada, antenada ou agitada,
Quero somente poder descansar serenamente,
Deixar o meu corpo fazer o que desejar,
Mesmo que ele não deseje nada especificamente...
Eu quero poder viver tranqüilamente...
Da forma que eu, só eu, planejar...
Não quero tomar banho todos os dias,
E submeter-me àquelas temperaturas frias...
Não quero comer a mesma hora que estou acostumada,
E nem receber visitas chatas, vazias e inconvenientes...
Quero ficar apenas deitada, sem saber se é noite ou se é dia...
Não quero que venham me chamar para sair de casa,
Com essa de que preciso me divertir...
Eu quero, eu preciso, ficar sem sair...
Eu quero ficar longe do consumismo desvairado...
Quero ficar aqui na minha cama, simplesmente deitada...
Sem fazer nada e sem nada pra fazer...
É assim que, agora, eu quero viver...
Estou com a minha depressão planejada
A fim de não enlouquecer com tanta coisa agitada...
Tanta coisa violenta e tanta coisa errada...
Estou em depressão única, singular,
Que tem tempo indeterminado para acabar...
Podem acreditar e, sem dúvidas, confiar,
Quando o mundo ficar mais calmo e humanizado,
Eu subo nele de novo, e peço ao mundo para ele girar!

Mariluci Carvalho de Souza

Inserida por Malufeliz