Aline Araújo: Que me perdoem os egoístas, mas...

Que me perdoem os egoístas, mas solidariedade é fundamental. É. Mas tudo tem limite. Eu sempre defendi que é preciso erguer a mão pro outro. Ninguém deveria deixar um colega tropeçar. Além de fazer bem pra si próprio, é bom pro mundo a tal da contribuição mútua. Mas você não pode demonstrar tal humanidade, pra não causar dependência e porque senão as pessoas abusam de você. E pra isso, não há limite. Que me perdoem os extremamente solidários, mas um pouco de egoísmo é fundamental.

Inserida por alienarr