Herzer: "Fiz de minha vida um enorme...

"Fiz de minha vida um enorme palco,sem atores para a peça em cartaz
Sem ninguém para aplaudir esse meu pranto que vai pingando e uma poça no palco se faz
Palco triste é esse meu mundo desabitado,solitário me apresento como astro
Astro que chora,ri e se curva a derrota.E derrotado,muito mais astro me faço.
Todo mundo reparou no meu olhar triste,mas todo mundo já estava cansado de ver isso
E todo mundo se esqueceu de minha estréia,pois todo mundo tinha um outro compromisso
Mas um dia meu palco escuro continuou e muita gente curiosa veio me ver
Viram no palco um corpo já estendido.Eram meus fãs que vieram para me ver morrer
Esta noite foi a noite em que virei astro.A multidão estava lá,atenta como eu queria
Suspirei eterna e vitoriosamente,pois ali o personagem nascia
E eu,ator do mundo com minha solidão morria."

Inserida por titulinha