Fernanda Azevedo: A “HISTÓRIAS DE NÓS DOIS” Nada na...

A “HISTÓRIAS DE NÓS DOIS”

Nada na vida é por acaso,e se estou agora escrevendo, é porque existe uma razão para isto estar acontecendo.
Como eu queria estar sempre bem com você, deixar as mágoas de lado e superar os desencontros, viver cada momento plenamente, sem preocupar-se com as conseqüências de atos e ou palavras mal interpretadas.
E é em virtude dessas más intepretações que surgem as divergências, percebe-se as diferenças. Por conta disse, cabe questionar o motivo de tanto ódio, a causa de tanta ira, já que o objetivo de ambos foi compartilhar o doce sabor do AMOR, no entanto, o paladar ultimamente só tem absorviso o sal das lágrimas, a boca só tem sentido o gosto amargo das frustrações.
Quero que tenha a certeza de que o dia mas importante de minha vida não foi quando lhe conheci, mas o dia em que você passou a viver dentro de mim, perto de mim. Deixe o passado para trás e pense mais um pouco em mim, nos momentos de felicidades que passamos juntos, as lágrimas que compartilhamos, ou então, procure deixar claro que o homem que conheci tem capacidade suficiente de deixar evidente o motivo do rancor que arrasa nossas vidas, consome meu juízo, pois o verdadeiro sentimento ainda respira por ter a esperança de ver tudo esclarecido, mas as divergências que nos cercam estão fazendo esse mesmo sentimento agonizar, podendo enxergar no fim do túnel a certeza do último suspiro.
Já pensou em quantas vezes ficamos no vai e vem, brigas e reconciliações que nos dão a certeza da nossa vontade em permanecemos bem, mas que ao mesmo tempo tem nos privado de tantos coisas.
Sei que por várias vezes você quis acabar com tudo, “e conseguiu, eu por outro lado também” me senti inclinada em romper, nos momentos de dificuldades e inseguranças. Pois é,..., nada conseguiu ser mais forte do que o nosso desejo de ficarmos juntos e mesmo querendo o namoro foi rompido não conseguimos cortar os laços.
Sei que preciso melhorar muito, preciso ser mais calma, falar menos ser menos impulsiva e mais clara. Por outro lado você também tem que ser mais confiante, administrar os seus ciúmes, ser menos grosseiro e não ser tão rancoroso.
Não tenha medo de dizer o que sente, pois por maior que tente esconder, eu sinto e admiro o carinho que você tem por mim, e se eu estou tendo importância na sua vida, saiba que na minha você significa muito também.
Não importa onde você esteja, ou que uma grande distância nos afaste temporariamente, ou até para sempre, “quem sabe”, dentro de mim eu te carrego para todos os lugares que vou, a sua presença é constante na minha vida e o amor que sinto se mantém firme.
A sua imagem não sai dos meus pensamentos e agradeço a Deus a graça de poder compartilhar u pouco da sua vida. Lembre-se, a tristeza é para os que não amam e só se vive um grande amor quando não se teme o sofrimento.

“É preferível sofrer e ter se sentido amado uma vez, do que esconder os sentimentos e não se sentir indisponível para o coração de alguém”
(autor desconhecido)

Inserida por foazevedo