Renunes e matheus rosso: Eu queria -ai como eu queria eu queria...

Eu queria
-ai como eu queria
eu queria sorrir ao teu lado
-eu já na fantasia sorrio
mais teus dentes não são claros como gostaria
-mas meus olhos o são
no entanto não podes me ter
-porque?
Porque nada é tão simples como ser
-desvenda tua alma...
mais desvendada que já sou?
-Conta-me de teus mistérios...
não há mistérios em mim, minha vida é um eterno sim
-teu sim... pra mim é não
então, porque me perguntas?
Queres saber de minha paixão?
Escraviza minha alma
escraviza meu eu
mas...
não me digas nada
sem mas...
sem mas...
sem porques...
-aprisiona-se ... me

Inserida por renunes