Thaís Moura: Sonho tatuado - quase autobiografico....

Sonho tatuado - quase autobiografico. rs!

Eu me faço de forte,
Ás vezes até de insensível,
Finjo não ter esse amor grande aqui dentro do coração.
Mas, tem ocasiões,
Que não posso evitar senti-lo, por mais que tente
E agora é uma dessas.
Passo dias, sem nem se lembrar de você,
Acho que fiz um trato meio que velado
Com meu músculo cardíaco.
Só que ás vezes,
Tem situações que não posso impedir,
Impedir que o mesmo fizesse o que quiser comigo.
Tento me cansar ao máximo antes de dormir,
Pra não ter como pensar em ti.
Mais mesmo assim,
Quando durmo, fico vulnerável
E aí, não tem como coordenar
Meus pensamentos.
Hoje, foi uma noite daquelas,
Passei a noite inteira sonhando com você,
Sentindo saudades de você...
E cada vez mais te querendo
Quando isso acontece, percebo
Que nada do que faça,
Que nada do que tente ou arquitete
Tem a força necessária pra me fazer esquecer você
Posso me encantar por todos os homens do mundo,
Posso até ter todos que eu queira,
Posso ser feliz com todos eles,
Mais nunca será como antes, nunca será como foi contigo.
Todas as vezes que sonho com você,
Queria poder parar o tempo,
Queria poder não acordar mais,
Porque naquele instante tenho certeza absoluta de
Que você é meu por completo.
Passo a noite sonhando, feliz, até sorrindo
E lutando, pra que você permaneça comigo o maior tempo possível.
Pra que a noite se estenda e você não desapareça dela.
É muito louco,
Pois nessas horas a vontade que tenho é de
Pegar o “1º vôo” e ir ao teu encontro.
Ta certo sei que é impossível,
Sei que muita coisa me impede de fazer isso,
Mas, em momentos assim,
Em manhãs assim,
Quando acabo de acordar
Com você fresquinho na minha cabeça,
No meu corpo e ainda sentindo o teu gosto,
Confundo-me e penso sim
Em jogar tudo pra cima,
E ir a teu encontro.
Nesses momentos,
Descubro-me a “ mulher maravilha”,
Capaz de passar por todos os perigos, SEM MEDO
Só pra poder te olhar mais uma vez que seja,
É desesperador, saber que mesmo
Contra minha vontade
Esse amor que sinto por ti
Só faz aumentar,
Só faz fincar mais raiz dentro do meu coração.
Eu queria poder te arrancar,
Queria poder te matar de verdade,
De uma vez por todas.
Mas, na hora “H” não tenho forças
E por isso fico assim,
Perdida, perturbada e cada vez mais apaixonada por você.
Não é justo, ter que sufocar esse sentimento
Não esse...
O que sinto por ti, é de longe
O melhor e mais forte sentimento que já senti na vida.
É a mistura perfeita de:
Amor puro e carnal, paixão, arrebatamento, certezas, felicidade, paz e todo o resto.
E saber que isso continua vivo aqui dentro de mim,
É uma tortura...
Saber que não existi formas de reviver esse grande amor
É ter a constatação da minha morte eminente.
Morte certa e sofrida.
Queria poder fazer do dia todo, uma noite linda
Pra poder voltar pra cama e continuar meu sonho perfeito
Queria poder ter você por mais uns segundos que fossem,
Queria poder ver seu rosto com todos os movimentos
Por mais um pouco de tempo...
Queria ouvir o som da sua voz, ecoando em meus ouvidos,
A mais bela música pra minha alma.
Queria, queria muito ter ido contigo...
Queria muito poder continuar sendo
A mulher mais feliz do mundo.
Era tudo tão perfeito, tão mágico,
Por que as coisas têm que ser assim?
Por que tudo tem um preço?
Por que não fui capaz de te dizer
O quanto te amava naquele dia!
Por que só disse “idem sem ser idem”?
Por que você me deixou aqui só?
Por que separar duas pessoas que se amavam tanto?
( amam ainda, tenho certeza disso )
Por que essa crueldade do destino com a gente?
Por quê ?
Não entendo...
Tento ao máximo não pensar em você,
Tento ao máximo tirar qualquer resquício de você
Da minha cabeça, dos meus olhos e do meu dia a dia
Mas, não consigo,
Não consigo porque não adianta,
Não adianta,
Não te ver, não te tocar, não ouvir você,
Pois isso é só complemento,
Não preciso de nada disso,
Você esta tatuado em mim
Pra sempre.
Não só com uma tatoo colorida e estática,
Você esta em mim, como ninguém mais estará.
Como meu único e grande amor...
Não está só na minha pele, está tatuado dentro de mim
Com meu próprio sangue, que substituiu a tinta.

Inserida por Thaiscazuza