Depoimento para Mae

Cerca de 4072 depoimento para Mae

Por influência de minha mãe, sou apaixonada por orquídeas...

Olho para as rosas e são lindas... Mas, ao mesmo tempo, sua beleza não me cativa. Não fico olhando para rosas, cobiçando-as... Me é indiferente recebê-las...

Porém... Ao olhar uma orquídea o meu desejo imediato é levá-la comigo.

Sua beleza é subjetiva, não se mostra ao primeiro olhar,
a menos que a ames. A beleza da orquídea tem um quê de misterioso, é preciso apreciá-la para achá-la bela.

Orquídeas são exóticas, selvagens e independentes. Elas crescem agarradas a outras plantas sem prejudicá-las...
Dão flores apenas se o local e o ambiente forem de seu agrado.

São voluntariosas e cheias de caprichos. Estão constantemente a nos dizer: faço as coisas do meu jeito.

Lou Cano

A vocação para homem público deve ter como essência ver em cada pai seu próprio pai, em cada mãe a sua mãe, em cada filho os seus e em cada ser humano o seu irmão.

Jean Carlos Sestrem

Sempre tive a mania de sorrir quando viajava em pensamentos. Minha mãe certa vez, após várias observações sobre episódios como esse, perguntou-me se eu conversava com alguém quando sorria assim. Ela pensava que eu falava com anjos, coisas de mãe. Bom, mais isso é outra história. E como viajava! Acho que esse não é o tempo certo, a verdade é que viajo. Pego as asas da imaginação e voo. Também adoro mergulhar, de cabeça mesmo. Então voo, mergulho e pouso. E o que tudo isso provoca em mim, me fez recordar uma citação de Martha Medeiros “Viver tem que ser perturbador, é preciso que nossos anjos e demônios sejam despertados, e com eles sua raiva, seu orgulho, seu asco, sua adoração ou seu desprezo. O que não faz você mover um músculo, o que não faz você estremecer, suar, desatinar, não merece fazer parte da sua biografia”. E a isso eu chamo de mergulho profundo. E voar é sair por aí, viver, procurando a cena feliz ou tentando construir a cena feliz, e quando você se depara com alguém que vislumbrou há muito tempo, antes mesmo de conhecer, naquela sua cena feliz, aí que tudo acontece, teu imaginário materializado em corpo e alma.

Angella Reis

AMOR DE MÃE

Um anjo desceu à terra...
Para escolher a coisa mais linda, mais preciosa e mais pura para apresentar a Deus.

Primeiro desceu sobre um jardim e escolheu as mais belas e perfumadas flores.
Depois voou para outro lugar, onde viu uma criança sorrindo.
E colheu aquele inocente sorriso infantil.

Continuou viajando por outras partes do mundo, sempre procurando o que fosse mais belo e precioso. Já estava para voltar quando olhou através de uma janela e viu a mãe ninando seu filho. E resolveu levar para o céu também aquele gesto de mãe.

Voou, voou e assim voltou com as lindas coisas que colhera na terra. Mas que surpresa! Verificou que as lindas e perfumadas flores haviam murchado...

E o sorriso da criança perdera a bela inocência...
Então, com todo o cuidado, pegou O AMOR DE MÃE...
Estava intacto!
Permanecera belo, terno, suave.

O Amor de Mãe é perene, inabalável; tudo suporta, tudo supera.
Mãe é a mão que conduz, o anjo que vela...
Mãe é AMOR.

Enquanto houver mães na terra, Deus estará abençoando o homem com a oportunidade de alcançar a meta da perfeição que lhe cabe.

Fênix Faustine

LIBERTAR



TE LIBERTO
DEIXO VOCÊ IR
COM A ALGRIA DE UMA MÃE
QUE VE SEU FILHO PARTIR
TUDO ISSO ME CAUSA DOR
MAS É DISSO QUE A VIDA É FEITA
OU NOS ACOSTUMAMOS
E APRENDEMOS A CONVIVER COM ELA
OU MORREMOS, LENTAMENTE, MORREMOS
PEÇO-LHE MIL PERDÕES
SE PALAVRAS DOLOROSAS QUE DISSE
VIERAM A LHE MAGOAR
MAS ESTAS MESMAS PALAVRAS
SAIRAM DE MINHA PROPRIA DOR
DA DOR QUE É ASSIM TE AMAR
AS DESCULPAS QUE PEÇO
SÃO AS MAIS PURAS E VERDADEIRAS
PEÇO QUE AS ACEITE DE CORAÇÃO ABERTO
POIS É DE AMOR QUE ELA É FEITA
E SE TE LIBERTO
NÃO É POR QUE TE NÃO TE AMO MAIS
NEM POR ESSA MAGOA AMARGA
É PORQUE TE AMO MAIS, DEMAIS
E É SÓ VOCÊ QUEM VAI DECIDIR
O QUE OU COMO FAZER
PARA SER FELIZ
POR ISSO DIGO VAI....
AFINAL VOCÊ SABE QUE ESTAREI AQUI
QUANDO VOCÊ RESOLVER VOLTAR

Paulo Donizete Vieira Junior

Mãe menina escutei de alguem quando os vi chorar: no sofrimento é que crescem.
Hoje, mãe moça aos 77 anos preciso crescer nas horas que choro escondida.

Anna Maria Temporal

Não sei se viro menina, se viro mãe, se viro todas. Se viro artista, se viro vento ou viajante. Viro santa ou viro doida. Quem sabe viro onça. Viro a mesa, viro o jogo, viro a página, viro a vida do avesso e viro outras. Sim, eu me viro.

Yohana SanFer

❝ É engraçado como algumas coisas marcam a nossa infância. Minha mãe me ensinou desde muito cedo a cumprimentar as pessoas, dar beijo, bom dia, boa tarde, boa noite. É por isso que acho que certas coisas são de berço. Educação não vende em prateleira do supermercado. Espero poder ter a clareza, a firmeza, a sanidade e a serenidade para transmitir para os meus filhos a infinidade de coisas boas que recebi. ❞

Clarissa Corrêa

Sou a saudade de uma conversa no fim de tarde com o meu avô. A saudade do colo da minha mãe, a saudade da risada do meu pai. Sou ficar tentando lembrar do que eu sonhei toda manhã. Sou a saudade dos meus amigos da adolescência, das escolas onde estudei e dos professores que tive. Sou a saudade de pessoas que eu amei muito e que se foram. Sou a vontade de voltar a ser uma menina quando canso de ser adulta, e sou o orgulho de ter vencido até aqui. Sou uma eterna á procurar o lado bom da situação. Quando não temos nada de prático nos atazanando a vida, a preocupação passa a ser existencial. Pouco importa de onde viemos e para onde vamos, mas quem somos é crucial descobrir. Sou a soma de tudo isso, e infinitamente mais. E sou toda coração. Toda. E além de tudo isso, sou eu mesma. E gosto demais de saber quem eu sou de verdade...
E você, quem é ???

Bárbara Coré

A certeza que amar enlouquecia, corroía, dava medo, dava um ciúme filho da mãe, dava uma saudade idiota de mulherzinha romântica, uma vontade besta de estar junto o tempo todo como uma mulherzinha sem vida própria.

Tati Bernardi

Uma mãe levou seu filho ao Mahatma Gandhi e implorou: “por favor, Mahatma, peça ao meu filho para não comer açúcar”. Gandhi, depois de uma pausa, pediu: “me traga seu filho daqui a duas semanas”.

Duas semanas depois, ela voltou com o filho. Gandhi olhou bem fundo nos olhos do garoto e disse: “não coma açúcar”.

Agradecida – mas perplexa – a mulher perguntou: ” por que me pediu duas semanas? Podia ter dito a mesma coisa antes!”

E Gandhi respondeu: “há duas semanas atrás, eu estava comendo açúcar”.

Mahatma Gandhi

Não é a relação da criança com a mãe que é central, ou sua relação com o pai, mas sim sua relação com o relacionamento deles.

Whitaker

Filha, Vida.

Durante nove meses no ventre de tua mãe você ficou escondida,
Seus pulos, mexidas, mostravam que ali tinha vida.
No ultra-som se via um pontinho que piscava rapidamente;
Era seu pequeno coração que batia lindamente.

Quando você nasceu senti uma imensurável emoção.
Enrolada num pedaço de pano, segurei você em minhas mãos.
Seu rosto tão pequenino, meigo, sensível.
Meus olhos brilhavam, a felicidade era visível.

Os anos passam rapidamente, você cresce e a gente nem sente,
Você estuda, dança, canta, faz arte. É uma menina inteligente.
Tens força demasiada, que me surpreende e me encanta.
Nos dias difíceis, não desanimas. Sacode a poeira e levanta.

Tens um imenso futuro, mas não espere por ele para viver.
Seja sempre iluminada, amada, amiga e as dificuldades vais vencer.
Quando precisar estarei por perto, mesmo estando afastado.
Nas tuas conquistas e soluços quero estar sempre ao teu lado

Nivaldo Joaquim

In... Verdades...

Amor de mãe é gratuito.
Amor de pai tem seu preço...
O resto, é apenas apreço?

Francismar Prestes Leal

Eu tenho um pai, uma mãe, um irmão que me pentelha, uma irmã que me debocha e eu tenho a mim mesma, que agüenta eles. Porque é isso que nós fazemos: aguentamos a nossa família por amor.

Isadora Lustosa

A vaidade é mãe da futilidade e do consumismo.

Sergio Fajardo

Minha avó
Marieta Cardoso Joanol

Mulher de garra, mãe, amiga, avó, bisavó, esposa...
com dedicação criou seus filhos...
os ensinou a trilhar o caminho do bem...
e seus filhos tiveram filhos, e os filhos dos filhos também...
e todos sempre terão orgulho de falar
dessa mulher, que com muita garra
lutou, contra o tempo, contra a saudade,
contra a doença, contra o cansaço dos anos..
minha avó de cabelos alvos como a neve,
trazidos com a experiência da vida,
minha avó cheia de paciência, que a todos servia...
minha avó, mulher prendada, que cozinhava, que sorria...
Esta era minha avó, um pouco Isnardi, um pouco Cardoso
e com o passar do tempo, um pouco Joanol...

Vó descanse em paz ao lado do vô.

Paula Joanol

amor é so de mãe
NESSE DITADO EU BOTO FÉ

Mallu Moraes

Saudades da minha mãe

O mundo gira
E tudo num piscar de olhos pra traz fica
E como lembrança
Esvai-se unica esperança
Que o tempo de min descarna
Que quando dou por min nada tenho
Se não este mundo ofuscado de que me detenho
E vejo como frágil somos
Que basta tirar nos algo e naufrágam ai mundos e sonhos
Tanta coisa fica pra traz
E a saudade de ti manifesta se cada vez mas
É vontade incontrolavel
É amor inseparavel
Este sentimento que sinto por ti mãe
Que me descontrai
Quando me sinto aconchegado pelo teu calor
É so assim que sou feliz
Pena é do destino que assim quis
E consigo levou todo meu amor.

Thierry Anes dos Santos Afonso

Como é mesmo que a minha mãe dizia? - A vida voa na sua cara, esbarra no seu rosto, suja sua vaidade, corrompe suas certezas e você não pode fazer nada. A não ser lavar o rosto e começar tudo de novo. - Pois é. Jogar fora, destruir. Acabar com tudo o que não foi bom, reunir as ferramentas e concertar o que foi feito errado, e com o que sobrou, reconstruir. Erga suas paredes que a dúvida e a solidão marcou de buracos e rachaduras, abra as portas da liberdade e as janelas do perdão. É difícil eu sei, mas tanto quanto necessário. Feito isso, coloque os tijolinhos amontoados um a um: o que representa a força de vontade, o que representa a esperança, o da verdade, o da paciência, principalmente o do amor próprio. Use ele como alicerce. A partir de agora, esqueça o teto de vidro! Forre uma camada de carinho e amizade no lugar pra te proteger das tempestades futuras. No chão, um piso firme e seguro, baseado em companheirismo e confiança. Essa é a verdadeira base para a caminhada que vem pela frente. Sabe, recomeçar é sempre possível quando colocamos de lado as dúvidas... Mas sinto lhe informar, minha cara, que a casa que você construiu não valerá de nada se não fizer uma faxina na alma também. Geralmente, virar a página não é suficiente, e o esforço é ser em vão se mantemos os mesmos personagens. Portando, se for preciso um novo livro, não exite em escrever. Reveja os conceitos, avalie as amizades, elimine definitivamente os fantasmas do passado. Corrija os defeitos, aprimore as qualidades. Corra atrás do que é importante pra você! Acima de tudo realize seus sonhos, e não esqueça: Vencer a maior de todas as batalhas, é quando você luta contra você mesmo.

Janine Lamenha