Coleção pessoal de LeticiaPessoa

Encontrados 4 pensamentos na coleção de LeticiaPessoa

Pelo tudo , pelo nada
Pelo sol do meio dia
Pela chuva fria
Pelo frio da noite
Pela flor do juazeiro
Nas asas de um rolinha
E no cantar da Acauã
Pela seca nos acerca
Pelas garras do carcará
Pór tudo que ainda somos
Por tudo que ainda seremos
Pelas contas de um rosário
Desfiado em louvor
A virgem Maria , ao Padre ´´Ciço`` a Deus Nossso Senhor
Um pedido a fazer
Pela distância tão malvada
Pela lua que vai nascer
Pela vida , tua e minha
Pela mente vazia de um sertanejo a sofrer
Pelo sim, pelo não
Pelo hoje e o amanhã
Pelo certo , pelo incerto
Pelo cordel do repentista
Pelo chorar da sanfona de Gonzaga a cantar
´´A todo mundo eu dou psiu , Sabiá ``...
Pelos versos de um poeta
Pela réstia da janela , a luz de uma estrela clarear
Pelos sons do maracatu
Pelas ruas de Olinda
Pelas pontes de Recife
Por ti meu amor
Gritarei aos sete cantos , aos sete mares
Que és minha sétima maravilha
Por todo canto eu direi...
Por toda eterninade
Para sempre te amarei .

Letícia Pessôa
1 compartilhamento

Canta ao longe a Acauã...
A ema também deixa seu cantar
Cantos secos
O sertanejo a chorar
Terra amada sente tanto
Queira poder te chover
Queria tanto molhar teus olhos
Sertão amado, seco esturricado
Mas não de amor...
Mas não de furor que move meu coração
Meu amado sertão...

Letícia Pessôa
1 compartilhamento

Procurando um rastro de chuva
Mas apenas o sol brilha vermelho no horizonte
Aquele céu azul, sem nuvens, nada de chuva!
Canta ao longe a Acauã...
A ema também deixa seu cantar
Cantos secos
O sertanejo a chorar
Terra amada sente tanto
Queira poder te chover , queria poder te molhar...

Letícia Pessôa
1 compartilhamento

Maldita seca que racha o chão de meu querido sertão
Que afasta seus filhos
Dor tão doida de deixar a terra natal
Terra tão querida
Ao mesmo tempo tão árida
Árida como os rostos que vejo nas janelas
A olhar o céu...

Letícia Pessôa
1 compartilhamento